Alphagraphics blog

Tag: negócio

5 lições de liderança que você pode tirar do esporte

5 lições de liderança que você pode tirar do esporte Muitos empreendedores consideram que os esportes são uma metáfora perfeita para os negócios. Isso porque, para alcançar o sucesso em qualquer uma dessas áreas, é preciso muita dedicação, determinação, força de vontade, superação, treinamento, objetivos bem definidos, inteligência emocional, disposição para correr riscos e capacidade de trabalhar em equipe.
Por conta dessas semelhanças, observar o mundo dos esportes pode ser uma excelente maneira de aprender e desenvolver suas habilidades de liderança. Confira, a seguir, algumas das principais lições de liderança que podemos tirar do esporte:

1. Aprender com os resultados
Qualquer campeão está sujeito a perder um jogo. As derrotas, porém, não devem ser vistas como um evento trágico a ser lamentado: cada erro ou falha deve ser visto como uma oportunidade para se preparar melhor e tentar novamente. Jamais encare uma derrota como um fracasso: em vez disso, batalhe para fazer diferente e sair vitorioso em uma próxima ocasião.

2. Saber lidar com condições adversas
Um jogo não é cancelado por conta de uma chuva, problema de saúde de um único jogador ou qualquer outro imprevisto, e saber lidar com as condições adversas é fundamental para sair vitorioso no esporte ou no empreendedorismo. Portanto, esteja preparado para lidar com imprevistos, tenha panos alternativos e jamais desista logo que aparecer o primeiro obstáculo em seu caminho.

3. Trabalhar em equipe
Uma equipe esportiva é formada por jogadores que possuem habilidades diferentes, mas que se complementam dentro do jogo. Uma equipe de trabalho funciona da mesma maneira, e cabe justamente ao líder promover a diversidade e saber identificar os pontos fortes de cada colaborador para, assim, formar um time corporativo completo e competitivo.

4. A importância do autoconhecimento
É fundamental que um atleta conheça seus pontos fortes e fracos, de modo a explorá-los em seu favor e desenvolver as habilidades que ainda estão deixando a desejar. Quem ocupa uma posição de liderança também deve desenvolver o autoconhecimento, entendendo seus limites, suas deficiências e suas potencialidades. Isso também vale para a maneira como ele gere a equipe: é importante conhecer bem cada membro do time, aproveitando o melhor das capacidades individuais para alcançar os melhores resultados.

5.Treinar e sempre tentar ser melhor do que antes
Um esportista de alta performance está sempre tentando melhorar suas marcas, bater recordes e conquistar novas medalhas. Para isso, ele precisa treinar muito e desafiar a si mesmo todos os dias. Um líder deve fazer o mesmo com sua equipe de trabalho: estimular o desenvolvimento de novas habilidades, o aprendizado contínuo e levar seus liderados a vitórias cada vez maiores e mais importantes.
E aí, tem outras dicas de liderança, que você já tirou do esporte? Deixe seu comentário! Read article →

5 passos para criar um Plano de Marketing

5 passos para criar um Plano de Marketing
O Plano de Marketing é uma ferramenta de gestão que contribui para o crescimento e desenvolvimento de uma empresa ou marca. Trata-se de um documento que detalha todas as ações necessárias para atingir um ou mais objetivos de marketing, indicando estratégias a serem adotadas e objetivos que deverão ser cumpridos.
Um bom plano de marketing deve estar pautado em uma sólida estratégia que inclui números, fatos e objetivos. Este é o plano de ação que vai te ajudar a aumentar o número de vendas, auxiliar no controle dos gastos e basear a definição de metas e objetivos a serem alçados.
Confira, a seguir, os cinco passos para a criação de um Plano de Marketing:

1. Analise a situação atual
Comece definindo claramente o que é sua empresa e o que ela tem a oferecer, identificando os benefícios e diferenciais de seu negócio. Analise seus pontos fortes e fracos, bem como as oportunidades do mercado e as ameaças externas.
Coloque todas essas informações no papel, de modo a ter um panorama completo da atual situação da sua empresa e do mercado em que ela atua.

2. Entenda seu público-alvo
Identifique e descreva o perfil de seus clientes, apontando características como: idade, gênero, composição familiar, salário, estilo de vida e localização geográfica. Além disso, avalie o perfil psicológico do consumidor, de modo a compreender suas necessidades, anseios e preferências.

3. Liste seus objetivos de marketing
O que você pretende alcançar com o Plano de Marketing? Faça uma pequena lista com seus objetivos, ações necessárias para alcança-los e com as pessoas envolvidas no processo. Faça com que os objetivos sejam mensuráveis, garantindo que você saiba exatamente quando cumpriu as metas estipuladas.

4. Desenvolva estratégias
Este é o momento de detalhar sua estratégia de marketing e todas as ações táticas que você vai usar para conquistar os clientes e alcançar os objetivos traçados nas etapas anteriores. Considere todas as possibilidades de ação de marketing, sempre avaliando qual será mais efetiva para o perfil do seu público.
Uma boa maneira de identificar a melhor estratégia para seu negócio é descobrindo qual mídia o cliente mais utiliza para obter informações associadas ao mercado em que seu produto está inserido. A partir daí, estabeleça as ações ideais para o tipo de mídia escolhido.

5. Defina seu orçamento e cronograma
Por fim, defina quanto você quer e pode investir em recursos de marketing, dedicando um percentual de seus lucros para o financiamento dessas ações. Além disso, estabeleça um cronograma que permita o monitoramento dos resultados e dos recursos utilizados. Esse registro indicará o que está dando certo e quais ações de marketing não devem mais fazer parte do seu próximo planejamento.
E você, já criou seu plano de marketing? Deixe seu comentário! Read article →

5 dicas para divulgar um novo produto

5 dicas para divulgar um novo produto Seja qual for o segmento de atuação da sua empresa, o sucesso de qualquer novo serviço ou produto depende especialmente de dois aspectos fundamentais: qualidade e uma boa estratégia de divulgação e lançamento.
Para garantir essas duas coisas, é necessário bastante planejamento e estudo sobre o mercado, de modo a criar um produto que atenda às necessidades e interesses do consumidor e elaborar uma estratégia de marketing que faça este mesmo consumidor saber sobre a existência e eficiência do produto que está sendo lançado.
Confira, a seguir, algumas dicas simples para lançar um novo produto com sucesso:

5 dicas para divulgar um novo produto
1. Forneça uma prévia
Distribuir amostras grátis é uma excelente estratégia para divulgar um produto que as pessoas ainda não conhecem. Faça uma pesquisa de mercado e forneça uma prévia do seu produto para alguns potenciais clientes, jornalistas e blogueiros que se interessem pelo tipo de serviço que você oferece. Esta é uma maneira muito eficiente de fazer com que seu produto seja visto e conquiste mercado antes mesmo de ser lançado oficialmente.

2. Faça um evento de lançamento
Estipule uma data de lançamento e faça com que este seja um grande evento. Você pode tanto fazer uma festa para seus clientes como apenas anunciar o início da comercialização do produto. Mesmo que de maneira mais discreta, é importante fazer com que o lançamento do novo produto seja visto como um acontecimento.

3. Tenha uma embalagem informativa
A embalagem do seu produto precisa chamar a atenção e conquistar o cliente logo de cara. Por isso, vale a pena investir em uma embalagem que se destaque na prateleira e apresente as vantagens e facilidades que seu produto oferece.
Por mais que seu produto não precise de uma embalagem — e mesmo que ele seja comercializado pela internet —, ele certamente precisa ser apresentado de alguma maneira. Tenha o cuidado de fazer com que essa apresentação seja atrativa e responda às expectativas do consumidor.

4. Ofereça dicas
Antes do lançamento, crie expectativa no cliente por meio da divulgação de dicas e curiosidades sobre o produto que está para chegar no mercado. Após o lançamento, passe a compartilhar dicas de como usar este novo produto e como ele pode tornar a vida dos clientes melhor ou mais fácil.

5. Conte uma história
Além de destacar os benefícios que seu produto oferece, você deve contar a história de como e por quais motivos ele foi criado. Aproveite esta oportunidade para fortalecer sua marca, destacando sua missão e sua preocupação em atender os clientes da melhor maneira possível.
E você, tem uma estratégia preferida para lançar seus produtos? Deixe seu comentário! Read article →

5 hábitos poderosos de empreendedores de sucesso

5 hábitos poderosos de empreendedores de sucesso
Muitas mais que retorno financeiro, os empreendedores de sucesso são aqueles que fazem a diferença e transformam a vida de seus clientes, funcionários e comunidades. São pessoas que constroem seus negócios com base na vontade de fazer acontecer e de crescer tanto financeiramente como intelectualmente.
Embora não exista uma fórmula exata para prosperar no mundo dos negócios, a maioria dos empreendedores bem-sucedidos apresenta características em comum. São elas: senso de oportunidade, persistência, proatividade, pensamento positivo e capacidade de gestão. Além disso, eles possuem hábitos específicos e que são responsáveis por seu sucesso profissional.


5 hábitos dos empreendedores de sucesso

1. Aprender com os próprios erros
Em vez de desistir logo que surgem as primeiras derrotas, empreendedores de sucesso refletem sobre suas ações e tentam descobrir o que não deu certo para poder fazer melhor na próxima tentativa. Mesmo diante de novos fracassos, eles persistem com a crença de que cada erro traz um importante aprendizado.
2. Abraçar os obstáculos e desafios
Empreendedores de sucesso não têm medo de assumir riscos e enfrentar problemas difíceis. Muito pelo contrário: eles enxergam cada obstáculo como uma excelente oportunidade de encontrar soluções inovadoras.
3. Definir e visualizar metas
Pessoas bem-sucedidas têm o hábito de escrever suas metas e planos com regularidade, sempre revisando se os objetivos determinados ainda fazem sentido e se são possíveis de alcançar. Esta é uma prática que facilita a organização das tarefas e garante que os negócios realmente sigam pelo caminho desejado.
4. Positivismo e paixão
Empreendedores de sucesso tem verdadeira paixão por aquilo que fazem, e geralmente focam apenas nas coisas que são positivas para suas vidas e para seu crescimento profissional. Até mesmo as derrotas são encaradas de maneira positiva, pois elas oferecem a possibilidade de tentar novamente.
5. Humildade
Pessoas que alcançam o sucesso são aquelas que estão sempre dispostas a aprender e sabem reconhecer a importância das pessoas que contribuíram para sua jornada no mundo do empreendedorismo. Além disso, elas jamais deixam de ouvir a opinião dos outros ou de ajudar quando necessário.
E você, conhece mais algum hábito? Deixe seu comentário! Read article →

Como atrair os melhores clientes

Como atrair os melhores clientes Embora a sociedade nos ensine que devemos tratar todas as pessoas da mesma maneira, esta não é uma regra que necessariamente de aplica ao marketing e à gestão de negócios.
No que diz respeito ao empreendedorismo, é fundamental ter em mente que nem todos os clientes são iguais: alguns valorizam seu serviço ou produto, compartilham os mesmos valores e visão de mundo que sua empresa e dão uma lucratividade maior para seu negócio, enquanto outros demandam muito mais tempo seu ou da sua equipe e parecem nunca estar satisfeitos.
O ideal é que você dedique seus esforços especialmente ao grupo dos clientes mais lucrativos, sem desperdiçar recursos tentando agradar a todos. Nesse sentido, todas as suas ações de marketing devem buscar e “desenvolver” clientes que contribuem expressivamente para sua lucratividade e até sua “sanidade”. Saiba como fazer isso a seguir:


Como atrair os melhores clientes

O primeiro passo para atrair os melhores clientes para seu negócio é mapear sua lista de clientes atuais. Para isso, elabore uma lista com todos os seus clientes e fãs no Facebook, identificando aqueles que são mais ativos, os que fizeram negócios com você recentemente, os que compram com maior frequência e quais gastam mais.
Em seguida, dedique-se a estudar os clientes que você identificou como responsáveis pela maior parte da lucratividade da sua empresa. Observe dados como localização geográfica, idade, renda, interesses e características comportamentais. Com todos esses dados em mãos, você conseguirá definir o perfil do seu cliente ideal.
A partir da identificação do perfil do seu cliente ideal, você pode criar e direcionar as campanhas de marketing para que elas atinjam e atraiam justamente este tipo de consumidor. Aborde nas suas mídias sociais e site assuntos que sejam do interesse deste consumidor e que estejam de acordo com seus hábitos e comportamentos, criando identificação e empatia por sua marca.
E você, o que tem feito para atrair os melhores clientes para sua empresa? Deixe seu comentário compartilhando sua experiência! Read article →

5 motivos para precisar de uma consultoria estratégica

Consultoria Estratégica AlphaGraphicsA consultoria estratégica consiste, basicamente, na imersão de um ou vários consultores na rotina da empresa. O objetivo é ajudar na solução de problemas e promoção de mudanças que, por alguma razão, os executivos e gestores não foram capazes de realizar internamente apenas com a ajuda do seu próprio time.
Para isso, os consultores passam alguns meses dentro da empresa, identificando os pontos fortes e fracos da organização, além das ameaças e oportunidades que o mercado oferece. A partir dessas informações, é elaborado um relatório detalhado de todas as áreas da empresa, com diversas propostas e possíveis soluções para os problemas apontados.
Conheça, a seguir, os principais benefícios da consultoria estratégica e as razões que fazem esse tipo de serviço ser fundamental para o crescimento da sua empresa:

5 motivos para investir em uma consultoria estratégica
 
1. Economia
Uma vez que a consultoria estratégica atua na resolução de problemas que os gestores não tinham tempo ou disposição para lidar, suas ações permitem a eliminação de gastos desnecessários e evitam que os recursos da empresa sejam desperdiçados com contratempos que poderiam ser evitados.

2. Conhecimento de mercado
Por mais que você tenha conhecimento profundo sobre sua empresa e seu mercado de atuação, um consultor estratégico carrega a experiência de várias empresas e diferentes áreas. Essa vivência permite que ele ofereça uma visão mais assertiva em direção às soluções que sua empresa precisa.

3. Otimização de processos
Além da já citada economia, a resolução dos problemas garante a otimização dos processos produtivos da empresa, facilitando a realização das tarefas e promovendo melhorias significativas no trabalho.

4. Olhar de fora
É muito comum que, de tanto ver um problema, ele passe a ser visto como uma coisa normal. Nesse sentido, a consultoria estratégica é capaz de oferecer o olhar crítico e imparcial de quem está fora da situação, trazendo uma análise diferenciada e com detalhes que podem não ter sido percebidos pela empresa.

5. Aprimoramento dos resultados
Todas as mudanças propostas pela consultoria estratégica resultam na melhoria dos processos de trabalho que, consequentemente, trazem melhores resultados.
E você, concorda com esses motivos? Tem alguma dúvida sobre a gestão do seu negócio ou sua franquia? Deixe seu comentário! Read article →

5 formas de arruinar o seu negócio

Como arruinar um negócioOs erros fazem parte da vida e, em muitos aspectos, errar é uma eficiente maneira de aprender e se desenvolver como pessoa ou profissional. Quando o assunto é empreendedorismo, entretanto, alguns tipos de erro podem arruinar totalmente o negócio. Por isso, vale a pena conhecer os principais erros que podem arruinar seu empreendimento e saber como evitá-los.

5 formas de arruinar seu negócio
1. Falta de planejamento
O primeiro passo para a criação de um negócio de sucesso é a realização de um estudo de mercado e elaboração de um planejamento estratégico para sua empresa. Você não precisa necessariamente de um plano de negócios documentado de maneira formal, mas certamente precisa de um plano.
Esse planejamento deve conter a definição de metas e objetivos empresariais, bem como os caminhos que serão tomados para alcançá-los e as ferramentas que serão utilizadas. O ideal é que também seja feito um planejamento financeiro e a projeção de ações para remediar possíveis problemas e situações inesperadas.

2. Pensar pequeno
Mesmo que seu negócio seja pequeno e tenha recursos limitados — especialmente se você ainda estiver começando —, é fundamental que você tenha em mente o potencial da sua empresa. Quando você pensa pequeno, acaba restringindo o sucesso do seu negócio às limitações.
Portanto, em vez de focar no tamanho da empresa, crie diferenciais que façam sua empresa se destacar no mercado e prove seu valor aos clientes.

3. Falta de capacitação
É fundamental conhecer profundamente a área em que sua empresa atua, bem como as necessidades do seu público e tudo o que seu produto ou serviço tem a oferecer. Caso você não tenha todos esses conhecimentos, invista em cursos de capacitação que te habilitem a administrar seu negócio de maneira eficiente.

4. Ignorar o consumidor
Embora vender seja o principal objetivo de uma empresa, você jamais deve considerar que o contato com o cliente termina com a concretização do negócio. Tenha em mente que um cliente está sempre propenso a voltar, mas apenas se a primeira experiência que ele teve com sua empresa foi satisfatória. Portanto, sempre mantenha um canal de comunicação aberto para o consumidor, e invista em um pós-venda que seja capaz de estabelecer uma relação com o cliente.

5. Confundir despesas pessoais com o dinheiro da empresa
Muitos empresários misturam o dinheiro da empresa com as finanças pessoais, tirando dinheiro do caixa para pagar despesas que não estão relacionadas com o negócio. Esta é uma atitude que impossibilita a realização de um balanço financeiro preciso e a avaliação do desempenho e crescimento do negócio. Você, mesmo sendo o empreendedor, deve ter um salário que esteja de acordo com a situação financeira da empresa e que permita que ela tenha margem de lucro para crescer.
Tem alguma dúvida sobre a gestão do seu negócio ou sua franquia? Deixe seu comentário! Read article →

5 dicas essenciais para encantar o seu cliente

AlphaPortugal Alphagraphics1036
O bom empreendedor reconhece a importância do seu relacionamento com cada consumidor para o sucesso de seu negócio. Por isso, separamos 5 dicas incríveis para ajudar você a fazer isso, confira!

1. Tenha um ótimo atendimento
O seu atendimento precisa ser um diferencial. O consumidor vai te reconhecer quando a sua empresa atender ele da melhor forma possível. Esse é o primeiro passo para encantá-los, deixando uma ótima impressão em cada um deles;

2. Direcione o foco para o cliente certo
É importante que você faça um estudo e foque no público certo. Suas ações precisam ser estratégicas para possuir ainda mais eficácia nos resultados. Por isso, direcionar cada uma delas para aqueles consumidores certos vão garantir a sua fidelização;

3. Seus maiores esforços devem ser com o consumidor
A empresa precisa dedicar todos os seus esforços aos clientes, já que eles são o motivo que justifica todo o seu trabalho. Trabalhe o relacionamento de qualidade com cada um, reconheça seus erros e escute-os sempre para a melhoria contínua da sua marca;

4. Para clientes fiéis, dê tratamento VIP
Se você já possui uma gama de clientes fiéis a sua marca, procure sempre dar exclusividade a eles. Trabalhe com ações como newsletters, cupons de descontos, vantagens de um clube de fidelidade, entre outros. É essencial manter uma experiência positiva e diferenciada;

5. Monitoramento
Todas as suas ações com o objetivo de fidelizar devem ser monitoradas para manter a otimização das suas estratégias e reunir cada vez mais informações sobre o seu público. Este processo vai gerar uma maior capacidade de fidelização para a sua empresa.

E aí galera gostou das nossas dicas? Comentem aqui! :) Read article →

Franquia: você está pronto para investir nesse negócio?

AlphaPortugal Alphagraphics1023Investir em uma franquia pode ser mais fácil do que parece. O empreendedor precisa apenas estar preparado e ciente de todos os riscos do negócio e como ele deve levar a sua franquia ao sucesso.

O mercado está em crescimento, mas existem fatores importantes a se considerar antes de querer investir em uma:

Você possui recursos para investir em uma franquia?

Este é um fator muito importante, pois o empreendedor não pode misturar suas contas pessoais com as do seu investimento. Outro quesito essencial é ter uma quantia extra de dinheiro para caso exista imprevistos durante ou até mesmo taxas;

Você gosta da área que sua franquia está atuando?

Faça uma auto avaliação de si e veja se é esta área que combina com você. Isso pode fazer toda a diferença no seu negócio, pois irá te inspirar a ir mais longe e ainda passar o seu dia-a-dia fazendo o que você gosta;

Você terá tempo para cuidar do seu negócio?

Cuidar de uma franquia não é tão fácil quanto parece ser. É preciso estar sempre disponível para eventualidades, assim como para fazer a gestão financeira e até mesmo do marketing e publicidade, para atrair cada vez mais clientes;

Quem é o seu público-alvo?

Faça um estudo do seu mercado e entenda melhor quem é o seu público. Desta forma, você saberá como divulgar sua franquia da maneira certa, além de se tornar uma referência para possíveis novos clientes;

Qual é o seu plano B?

Se por algum motivo seu investimento não estiver dando certo, faça um planejamento para uma opção mais viável. Desta forma, você estará prevenindo futuros custos e frustrações.

E você, já decidiu se vai investir em uma franquia? Comente aqui! :) Read article →

5 motivos que levam o seu negócio ao fracasso! Evite-os!

AlphaPortugal Alphagraphics953Sabemos que não é apenas a sorte que influencia nos negócios. Um bom empreendedor sabe diminuir bastante a probabilidade de falência, lida com a logística operacional e as habilidades necessárias para o sucesso da empresa. Mas muitos não conseguem realizar essa atividade de forma correta. Alguns dos principais motivos que podem colaborar para o fracasso de um empreendimento são:

1. Não fazer um planejamento de longo prazo: alguns empreendedores costumam ter problemas para lidar com projetos de curto ou longo prazo. Se você não sabe ter metas concretas e planejar o desenvolvimento desta meta durante o prazo, ou até mesmo estender ele, isso pode prejudicar a produtividade do negócio;

2. Falta de controle financeiro: algumas empresas costumam fazer apenas uma parte do controle financeiro, tendo apenas planilhas de contas a pagar, receber e informações do fluxo de caixa. Mas o controle financeiro exige muito mais fatores a serem considerados como indicadores de controladoria, balanço patrimonial, orçamento empresarial do ano entre outros;

3. Senso de realidade: sabemos que empreendedores costumam ser muito otimistas. Acreditar em si mesmo e no sucesso da sua empresa é ótimo para concretizar o negócio. Porém existem pessoas que extrapolam e acabam perdendo o senso da realidade. É preciso ser otimista com pés no chão e estar sempre atento ao que você pode oferecer ao seu consumidor e parceiros;

4. Misturar contas da empresa com despesas pessoais: é preciso saber separar as contas para que não tenha problemas maiores no futuro da empresa. Essa é uma razão muito comum entre as empresas que fracassam;

5. O produto/serviço perfeito: o período de construção do planejamento do negócio antes de oficializar a abertura é essencial, mas também pode ser um dos motivos para o fracasso da eficácia dele. Investir muito tempo no desenvolvimento de um produto e demorar a lançar pode ser um problema por aumentar custos em melhorias contínuas. Não existe nada perfeito, apenas o tempo correto!

É bom refletir sobre como sua empresa está lidando com estes fatores para que assim, possa melhorar sua gestão e evitar problemas futuramente.

E ai, gostaram das dicas ou ficaram com dúvidas? Comentem aqui! Read article →